Whatsapp: Veja dicas de como bloquear o aplicativo em celulares roubados para não ser vítima de golpes

Whatsapp: Veja dicas de como bloquear o aplicativo em celulares roubados para não ser vítima de golpes

Ter o celular roubado ou clonado é uma situação terrível para qualquer um, mas você não pode perder tempo sofrendo por isso. Ao passar por essas situações, você deve imediatamente ir atrás de bloquear o WhatsApp.

E como bloquear o WhatsApp temporariamente? Não é tão difícil, sendo normalmente um processo em duas etapas: primeiro, você deve desativar o número do WhatsApp, bloqueando temporariamente o chip.

Depois, deve entrar em contato com o suporte do WhatsApp para desativar a conta temporariamente. Prosseguindo com a leitura, você vai entender em detalhes todo esse processo após o roubo do celular!

Você precisa bloquear o WhatsApp logo depois do roubo de celular?

“Mais de 100 milhões de celulares já foram roubados ou furtados no Brasil. 61% dos brasileiros já tiveram o celular roubado ao menos uma vez. 28%, ao menos duas vezes. 11%, três vezes ou mais.”

É importante que bloqueie a conta do WhatsApp logo após o roubo do celular, já que os criminosos podem aplicar golpes em seus contatos. Apenas informar que o celular foi roubado nas redes sociais pode não alcançar todos os seus conhecidos.

Com isso, eles correm o risco de sofrerem golpes ou fraudes, pensando que estão conversando com você. É necessário que bloqueie temporariamente o chip e entre em contato com o suporte do WhatsApp para desativar também temporariamente a conta.

Obs: o WhatsApp não ajuda o usuário a localizar o aparelho ou a desativar remotamente a conta através de outro celular.

Como bloquear o WhatsApp temporariamente?

Antes de qualquer coisa, você deve ligar para a sua operadora para informar sobre o roubo e desativar o número do WhatsApp. Mesmo que o WhatsApp esteja atrelado ao seu número, o ladrão ainda pode verificar ele por SMS ou ligação.

E “como saber o meu número” para bloquear e depois recuperar? Há 5 formas: ligando pra outra operadora, para outro celular, SMS, código USSD ou pelo WhatsApp. Após bloquear o chip, não é mais possível receber SMS ou ligação para confirmar a conta.

Depois disso, como bloquear o WhatsApp temporariamente?

Método 1: usando um novo chip para a recuperação do WhatsApp

O primeiro método para recuperar o WhatsApp do celular roubado se baseia no funcionamento do aplicativo: só é possível utilizar o número de telefone em um celular por vez. Ao ter o seu número de volta no chip novo, a conta é bloqueada no outro celular.

Para recuperar o número após o bloqueio, você deve entrar em contato com a operadora e marcar um atendimento na loja mais próxima. Lá, você consegue o seu número de volta e o ativa num novo chip.

Ao ativar o WhatsApp com o chip novo, mas o número antigo, a conta ativa no celular antigo é desativada. Essa é a forma mais rápida de recuperar o WhatsApp do celular roubado.

Método 2: entrando em contato com o suporte do aplicativo para a recuperação do WhatsApp

O segundo método para recuperar o WhatsApp do celular roubado é entrar em contato com o suporte do aplicativo. É possível fazer isso pelo e-mail support@whatsapp.com – o processo é simples:

  1. No assunto do e-mail, coloque Perdido/Roubado: Por favor, desative minha conta
  2. No corpo do e-mail, coloque a mesma mensagem + o número do telefone em formato internacional, com o código do país e o DDD. Ex: +55 11 91245 7777

O que acontece depois que desativa o número do WhatsApp?

Após o suporte receber o seu pedido, a conta do WhatsApp é logo desativada. Porém, ela não é completamente apagada – os contatos ainda verão seu perfil e poderão enviar mensagens para você.

Essas mensagens ficam pendentes por até 30 dias. Se a conta não for reativada nesse tempo, ela é de fato apagada. Se ela for reativada antes, as mensagens pendentes chegam e você permanece nos grupos dos quais fazia parte.

Dessa maneira, bloquear o WhatsApp não é uma ação definitiva. É apenas um processo temporário para evitar que a sua conta seja utilizada de forma errada!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.

Este site usa cookies e outras tecnologias similares para lembrar e entender como você usa nosso site, analisar seu uso de nossos produtos e serviços, ajudar com nossos esforços de marketing e fornecer conteúdo de terceiros. Leia mais em Política de Cookies e Privacidade.