Como pagar Ipva pela internet?

Antes de mostrar como pagar o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), vamos explicar o que é essa sigla que tira o sono de qualquer motorista. Trata-se de um tributo estadual anual em que o proprietário do veículo deve pagar. É uma obrigação de quem tem carros, motos, caminhonetes, caminhões, ônibus, embarcações e aeronaves.

Um dos maiores erros de grande parte das pessoas é não se programar para pagar esse tipo de imposto, especialmente porque a cobrança sempre é feita em uma data específica: início do mês de janeiro do ano vigente. No entanto, para automóveis que foram comprados recentemente, considera-se a data da primeira compra. 

Muita gente não sabe, mas 20% da quantia arrecadada é encaminhada ao Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais de Educação (FUNDEB). O restante do valor é distribuído em partes iguais, entre o governo municipal e o estadual.

Agora, saiba como pagar IPVA e algumas dicas para evitar problemas

Como calcular o valor do IPVA?

Para fazer o pagamento do imposto, o proprietário do automóvel precisa entender como essa taxa é calculada. O cálculo é feito com base no valor venal do automóvel, que é recomendado pela tabela Fipe, e desenvolvida pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas.

E não é só a tabela que é considerada na hora de definir o valor. Ele é alterado de estado para estado, que utiliza uma alíquota diferente para o cálculo. Para se ter uma ideia, a quantia pode variar entre 2 e 4%. Por isso, recomendamos consultar esses dados no Dentran do seu estado para verificar a cobrança do imposto.

Para que você entenda melhor o assunto, veja abaixo um exemplo de cálculo.

  • Valor venal do automóvel: R$ 40.000
  • Alíquota: 4%
  • Cálculo: R$ 40.000 x 0,04= R$ 1.600 (quantia que será cobrada no IPVA).

Páginas do Detran por estado:

Como pagar o IPVA?

Agora que você já sabe o que é IPVA e como calcular o valor do imposto, vamos descobrir o que fazer para pagar esse tipo de taxa? O lado positivo é que o processo é mais simples do que parece.

Você deve ir até uma agência bancária credenciada e mostrar qual é o seu número do RENAVAM. Ele pode ser identificado no Certificado de Registro de Licenciamento do Veículo (CRVL).

Se o proprietário do automóvel ou a pessoa que é responsável pelo pagamento do imposto for correntista deste banco, ela pode efetuar o pagamento por meio do internet banking ou através de caixas eletrônicos. Instituições, como o Banco do Brasil, oferecem diversas vantagens para o consumidor em relação a esse tipo de obrigação.

Uma dica interessante é sempre que possível optar pelo pagamento à vista. Existem alguns estados que dão descontos para quem tem o dinheiro na mão. Dessa forma, você pode usar o valor economizado para outra finalidade.

Mas, se você não consegue pagar à vista e acredita que o parcelamento é a melhor opção, não tem problema. Você pode fazer o pagamento em até três vezes, porém, sem a possibilidade do desconto.

E se você está procurando um novo veículo e não quer lidar com esse tipo de documentação, conheça a Karvi. Ela tem diversos carros Fiat com documentação em dia, certificação mecânica de mais de 280 itens e garantia de um ano. Menos dor de cabeça para a sua rotina e para o seu bolso.

Após descobrir como pagar IPVA e algumas dicas para evitar problemas, siga-nos nas redes sociais e conheça outras orientações importantes para o seu bolso.

Leave a Reply